Debate "Resíduos Sólidos"



Eixo Temático

I - Educação para a Cidadania


Público Alvo

Gestores, Iniciativa Privada, Profissionais interessados, Estudantes, e Sociedade Civil em geral.


Período de inscrição

De 24/09/2018 a 23/10/2018


Duração do Curso

4 hora(s)


Período do curso

De 24/10/2018 a 31/10/2018


Horário das aulas

Das 20:00 às 22:00


Conteúdo

Dia 24/10 - Conceitos, Politicas Publicas, Ações e Responsabilidades
Dra. Alexandra Faccioli Martins – Promotora de Justiça
Prof. Elcires Pimenta
Celise de Oliveira Romanini e Ludmar Antonio Romanini  - Divisão de Resíduos Sólidos da Prefeitura Municipal de Piracicaba
Mediação Vereadora Nancy Thame

Dia 31/10 - Experiências
Cristiano  – Casa de Cultura Hip Hop de Piracicaba
Júlio Pupim - ARAPIRA
Ednalva - Reciclador Solidário
Mediação Prof.  Ana Meira – USP RECICLA

A preocupação com os resíduos vem sendo discutida há algumas décadas tanto na esfera internacional como na esfera nacional, devido à expansão da consciência coletiva com relação ao meio ambiente. Assim, a complexidade das atuais demandas ambientais, sociais e econômicas vem induzindo a um novo posicionamento dos três níveis de governo, da sociedade civil e da iniciativa privada.
A aprovação da Política Nacional de Resíduos Sólidos – PNRS, Lei federal 12.305/10, marcou o início de uma forte articulação institucional envolvendo os três entes federados – União, Estados e Municípios, o setor produtivo e a sociedade em geral - na busca de soluções para os problemas na gestão resíduos sólidos que comprometem a qualidade de vida dos brasileiros. 
A partir deste marco baseado no conceito de responsabilidade compartilhada, a sociedade como um todo – cidadãos, governos, setor privado e sociedade civil organizada – passou a ser responsável pela gestão ambientalmente adequada dos resíduos sólidos. 
Neste sentido, podemos destacar que a sociedade tem um papel muito importante na implantação desta política em todos os níveis, quando pressiona por mudanças motivadas pelos elevados custos socioeconômicos e ambientais,  manejados adequadamente, os resíduos sólidos adquirem valor comercial e podem ser utilizados em forma de novas matérias-primas ou novos insumos.
 Os planos e programas de gestão de resíduos, em especial no nível municipal, que é o local onde realmente o cidadão reside, trabalha e pode participar das decisões,  trará reflexos positivos no âmbito social, ambiental e econômico, pois não só tende a diminuir o consumo dos recursos naturais, como proporciona a abertura de novos mercados, gera trabalho, emprego e renda, conduz à inclusão social e diminui os impactos ambientais provocados pela disposição inadequada dos resíduos.
Assim, muito importante, tanto a conscientização como a qualificação de toda sociedade e de gestores para melhoria de qualidade de vida para todos.

Campanha da Solidariedade: No primeiro dia do debate, favor levar 1 litro de leite

Observação

Este debate será realizado no SESC Piracicaba - Rua Ipiranga, nº 155 - Centro

Para mais informações, favor entrar em contato com a Escola do Legislativo - (19) 3403-7129